Próximo Anterior

VIAJAR É PRECISO

Bruna Busse Bruna Busse 5 setembro, 2016
viajar é preciso

Sentada na sala de embarque em Buenos Aires rumo ao destino mais distante desse projeto, Nova Zelândia. Apenas agora encontrei tempo para poder refletir e até mesmo processar as informações dos últimos dias. Me sinto tranquila perto desses últimos meses, que foram trabalhosos e corridos.

Sou arquiteta, prestes a fazer 10 anos de formada, e especializada em iluminação. Estudo as artes plásticas. Já tive meu escritório de arquitetura e com ele a oportunidade de trabalhar remotamente enquanto vivia na Europa. Assim que voltei, em janeiro de 2012, decidi fechar meu negócio e me dar a oportunidade de trabalhar com outros arquitetos e poder dividir experiências e responsabilidades. Nos últimos quatro anos, no escritório da arquiteta Fernanda Cassou, executei uma arquitetura mais detalhada e satisfatória. Aprendi com ela a contemplar o design e a arquitetura de maneira mais intensa. Meu olhar se tornou mais crítico e intensifiquei o que já acontecia nas minhas viagens por aí: a perspectiva observada sempre tendendo para esse meu mundo.

Busco hoje uma viagem que possa me proporcionar um enriquecimento profissional maior e mais maduro, mas principalmente um enriquecimento pessoal. E isso eu acho que é uma consequência da atitude de viajar, ou pelo menos é o que todos dizem por aí, então quero ver qual é! Gosto daquela frase do Amyr Klink: “Um homem precisa viajar. Por sua conta, não por meio de histórias, imagens, livros ou TV. Precisa viajar por si, com seus olhos e pés, para entender o que é seu”. Todas as pessoas que viajam pelo mundo são cada vez mais apaixonadas pela vida, quero sentir algo pleno assim, quero sempre mais!

Eu sou fascinada pelas curiosidades do mundo, e sempre tive vontade de viver um tempo fora do Brasil novamente. Juntando essa vontade com a minha necessidade profissional de aprender mais, ficou fácil saber o que eu estava precisando. Fiquei dois anos sonhando e trabalhando para tornar essa ideia realidade. Em junho deste ano comprei uma passagem de volta ao mundo para viajar sozinha, seguindo um roteiro planejado para visitar 4 continentes em 7 meses. A primeira parada será Auckland, na Nova Zelândia, onde fico por 20 dias. Embarquei hoje para ser simples, viver leve, curtir a liberdade, estimular a criatividade, buscar conhecimento e experiências. Vou compartilhar nesse blog um pouco no meu olhar viajando mundo a fora <3!

Bruna Busse

Bruna Busse

Bruna é Arquiteta e Urbanista e lighting designer. Apaixonada pela sua família e pelo seu trabalho, procura no esporte a vitalidade e encontra na música, na arte e no mar inspiração. As artes plásticas estão inseridas em sua vida deste a infância, quando começou a pintar. Morou em Barcelona, onde fez um curso de pintura, e foi um período em que conheceu vários países da Europa. Fascinada pelas curiosidades do mundo e com vontade de viver uma viagem a longo prazo, encontrou no bilhete Round-the-world-trip a possibilidade de viajar sozinha seguindo um roteiro planejado para visitar 4 continentes em 7 meses. Bruna embarca em Setembro para ser simples, viver leve, curtir a liberdade, estimular a criatividade, buscar conhecimento e experiências.

Mais publicações de Bruna Busse

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *